30/10/2017

Fazer exercício pra emagrecer?



Faz tempo que eu estou ensaiando para escrever um post sobre isso aqui. Sei que é um assunto polêmico, e eu escrevo o que quero, mas você que está lendo também interpreta do jeito que quiser, mas vou continuar mesmo assim.

Eu nunca fui super magra, e sempre me vi mais ''gordinha'' do que eu realmente era. Isso sempre me incomodou. Acho que também porque vivi minha fase de adolescente onde o bonito era cabelo liso, gente magra e ninguém discutia isso. Durante todo esse tempo eu fazia academia, mas logo largava (perdi as contas de quantas vezes eu fiz isso) comia (e como!) porcaria e coisas as quais eu sei que não me fazem bem, e a maioria dessas vezes logo me sinto culpada. Sorte a minha que não desenvolvi um distúrbio alimentar, porque isso é mais comum do que nós gostaríamos de assumir.

Resultado de imagem para exercise gif

 Mas entenda: isso incomodou a mim! Um pouco é sim devido as influencias que eu tive, mas hoje vejo além: não tenho problemas com meu corpo a ponto de deixar de fazer certas coisas ou usar certas roupas por causa disso, mas me incomoda. E muito.

Tudo isso para chegar onde eu queria como objetivo desse post: Você faz exercício para emagrecer? Eu fazia. Fiz muito. Assim como a alimentação: eu comia bolacha fit, pão fit, tudo fit achando que isso ia me fazer emagrecer e queria resultados imediatos. Nunca deu certo. 


Faz mais ou menos 3 anos que eu conheci a low carb e a Lara nesteruk. Consumi todo o conteúdo dela e de mais pessoas que propagam essa informação gratuita na internet. De uma forma meio drástica eu li todos os livros sobre saúde que vi nessas redes e mudei completamente minha alimentação. Funcionou no inicio, não sei bem em quanto tempo, mas algo em torno de 6 meses emagreci quase 10 kg, mas ainda fazia da comida um refúgio e da academia uma obrigação para ficar magra.

Resultado de imagem para eat gif

Acontece que essa semana eu tive um start: A idade chega pra todo mundo, e com ela a consequência de todos nossos hábitos durante toda a vida. Foi então que tudo fez sentido: eu posso comer a porcaria que quiser as vezes, mas o que vai contar lá na frente é, com certeza, a maior parte dos meus hábitos do dia a dia, mesmo porque tudo em excesso é ruim. Mas o que me deixou mais assustada por ter mudado tão rápido na minha cabeça é que eu não vou mais pra academia pra ficar magra. Vou pra academia pra cuidar da minha saúde. Pra ter um bom condicionamento e melhorar meu cardio. Pra trabalhar minha força para que eu consiga fazer hoje, e daqui à alguns anos, força com pequenas coisas do dia a dia.

O mais importante já se estabeleceu na minha mente: Não importa como está o seu corpo, ele está no equilíbrio entre você estar feliz e saudável? Então ótimo! Seja feliz <3

Eu achei importante escrever esse post, porque estava guardado dentro de mim, só esperando o momento e as palavras certas para ser registrado. O que acharam?

Beijos!


imagem freepik

Nenhum comentário

Postar um comentário