17/04/2020

Sal, gordura, acidez e calor de Samin Nosrat na Netflix



Eu amo cozinhar. Amo criar e recriar receitas que vejo da internet. Um dia, sem querer dei play na Netflix na série Sal, gordura, acidez e calor. Foi a melhor coisa que eu poderia ter feito aquele dia. Poucas coisas ultimamente têm me animado para valer um post, mas essa mini-série com certeza vale. Samin Nosrat é uma chef americana que escreveu o livro Sal, gordura, acidez e calor que posteriormente se tornou uma série de 4 episódios de mais ou menos uma hora onde ela visita países diferentes que são referência nos sabores descritos.

Ela visita a Itália para gordura, Japão para o sal, México para acidez e volta para a Califórnia para calor. Em cada lugar ela dá diversos exemplos de alimentos de verdade, puros e saudáveis onde podemos encontrar cada tríade da culinária.







Eu simplesmente amei e já vi 2x. Quero muito comprar o livro, que é todo ilustrado por Wendy MacNaughton. Na série nós aprendemos sobre quais são esses alimentos incríveis, no que eles podem se transformar e como podem conversar entre si. Tudo com o foco de criar o momento sabe? Ela sempre se reúne com famílias e ao final de cada episódio é um momento incrível ao redor da mesa naquele país com seus nativos.

Vejam Sal, gordura, acidez e calor por favor que não vão se arrepender! E me indiquem mais séries culinárias nos comentários!

Beijos!

05/04/2020

Wine Folly - O livro para aprender sobre vinhos


Olá minha gente, tudo bom? Quanto tempo! a última vez que escrevi um post jamais imaginaria que estaríamos no meio de uma pandemia. Aliás, só pra registrar, Se puder, não saia de casa.
Hoje eu vim dar uma dica de leitura pra você que quer aprender mais sobre vinhos: o Wine Folly, guia essencial do vinho. Wine Folly é um blog americano sobre vinhos que virou esse livro maravilhoso e super bem ilustrado sobre o assunto.



Não é necessário saber NADA antes de iniciar essa leitura. O livro vai te dar primeiro todas as informações básicas que você nem sabia que existiam, entre como comprar, tipos de taça, como identificar os componentes do vinho, tudo isso com descrições bem simples e fáceis para os mais leigos entenderem. Isso é um ponto bem positivo nessa edição: eles colocam o termo técnico junto à ''tradução'' em miúdos para você entender em um primeiro momento.
Depois disso tem uma coletânea bem completa das uvas e países onde elas nascem que é bem incrível. A cada garrafa de vinho eu tenho usado o livro como consulta e está sendo bem legal aprender mais sobre.


Eu comprei Wine Folly pela Amazon em uma promoção por R$29 e hoje ele está em torno de R$40 e é o livro que eu indico para você que quer comprar apenas fonte de pesquisa.
Vale também assistir aos vídeos do canal Vinhos de bicicleta, que tem conteúdos bem completos e foi lá que vi a dica de compra desse post.

Beijos!

11/09/2019

Comprando passagem para Buenos Aires



Olá minha gente, tudo bom? Hoje eu vim contar pra vocês algumas dicas legais para comprar passagem para Buenos Aires. Estou indo viajar em dezembro, e já comprei minha passagem: isso que dizer que vai ter muito conteúdo aqui sobre Argentina, tango e Alfajor <3

Pesquise o clima: Na capital portenha pode fazer extremos quando falamos de calor e frio. Pesquise bem o período que você vai viajar. Basicamente eles têm as mesmas estações que no Brasil, mas faz bastante frio ou calor.

Saiba a média do valor: Geralmente, em um preço comum no dia que esse post está sendo escrito a passagem custa R$1200 em média. Antes de sair comprando do nada, pesquise se os valores estão bons. Apenas mudando o horário do voo pode fazer uma grande diferença no seu bolso.

Viaje de RG: Sim! Nós Brasileiros não precisamos necessariamente de passaporte para entrar na Argentina (assim como eles para entrar no Brasil) então você pode viajar só com seu RG. Mas fique atenta: tenha certeza que está com um documento recente, onde a foto não confunda seu rosto e em bom estado. CNH também não vale ao entrar em Buenos Aires, tem que ser prioritariamente o RG.

Resultado de imagem para gif buenos aires

Voo direto: As vezes os preços são um pouco melhores com escalas, mas em um voo direto de São Paulo à Buenos Aires por exemplo dura só 3 horas. Analise bem se a diferença do desconto que você vai ter com a passagem de escalas vai valer a pena na hora da compra.

E então, quem tá ansioso para ver mais posts sobre Buenos Aires? Já conheceu algum lugar na Argentina?

Beijos!