17/04/2020

Sal, gordura, acidez e calor de Samin Nosrat na Netflix



Eu amo cozinhar. Amo criar e recriar receitas que vejo da internet. Um dia, sem querer dei play na Netflix na série Sal, gordura, acidez e calor. Foi a melhor coisa que eu poderia ter feito aquele dia. Poucas coisas ultimamente têm me animado para valer um post, mas essa mini-série com certeza vale. Samin Nosrat é uma chef americana que escreveu o livro Sal, gordura, acidez e calor que posteriormente se tornou uma série de 4 episódios de mais ou menos uma hora onde ela visita países diferentes que são referência nos sabores descritos.

Ela visita a Itália para gordura, Japão para o sal, México para acidez e volta para a Califórnia para calor. Em cada lugar ela dá diversos exemplos de alimentos de verdade, puros e saudáveis onde podemos encontrar cada tríade da culinária.







Eu simplesmente amei e já vi 2x. Quero muito comprar o livro, que é todo ilustrado por Wendy MacNaughton. Na série nós aprendemos sobre quais são esses alimentos incríveis, no que eles podem se transformar e como podem conversar entre si. Tudo com o foco de criar o momento sabe? Ela sempre se reúne com famílias e ao final de cada episódio é um momento incrível ao redor da mesa naquele país com seus nativos.

Vejam Sal, gordura, acidez e calor por favor que não vão se arrepender! E me indiquem mais séries culinárias nos comentários!

Beijos!

05/04/2020

Wine Folly - O livro para aprender sobre vinhos


Olá minha gente, tudo bom? Quanto tempo! a última vez que escrevi um post jamais imaginaria que estaríamos no meio de uma pandemia. Aliás, só pra registrar, Se puder, não saia de casa.
Hoje eu vim dar uma dica de leitura pra você que quer aprender mais sobre vinhos: o Wine Folly, guia essencial do vinho. Wine Folly é um blog americano sobre vinhos que virou esse livro maravilhoso e super bem ilustrado sobre o assunto.



Não é necessário saber NADA antes de iniciar essa leitura. O livro vai te dar primeiro todas as informações básicas que você nem sabia que existiam, entre como comprar, tipos de taça, como identificar os componentes do vinho, tudo isso com descrições bem simples e fáceis para os mais leigos entenderem. Isso é um ponto bem positivo nessa edição: eles colocam o termo técnico junto à ''tradução'' em miúdos para você entender em um primeiro momento.
Depois disso tem uma coletânea bem completa das uvas e países onde elas nascem que é bem incrível. A cada garrafa de vinho eu tenho usado o livro como consulta e está sendo bem legal aprender mais sobre.


Eu comprei Wine Folly pela Amazon em uma promoção por R$29 e hoje ele está em torno de R$40 e é o livro que eu indico para você que quer comprar apenas fonte de pesquisa.
Vale também assistir aos vídeos do canal Vinhos de bicicleta, que tem conteúdos bem completos e foi lá que vi a dica de compra desse post.

Beijos!

18/12/2019

Carnival Row da Amazon Prime video



Cof Cof, tirando a poeira por aqui. Faz mais de um mês que eu não escrevo e tenho sentido muita falta. Muitas coisas aconteceram. A vida aconteceu num ritmo frenético, mas cá estou.
Então resolvi contar pra vocês minhas primeiras impressões sobre Carnival Row, a nova série que comecei a assistir no Amazon Prime Video.

Carnival Row é uma fantasia de época que incrivelmente não é inspirada em nenhum livro, e sim é um roteiro original, o que me deixou muito animada. Vemos Cara Delevigne e Orlando Bloom como personagens principais se passando no Burgo, onde seres humanos e seres mitológicos vivem em certo conflito. Em um primeiro momento, Vignete (Cara Delevigne) está fugindo de seu país, e chegando no Burgo vemos como os seres fantásticos são hostilizados. Fadas são meretrizes e a maior parte deles vive em Carnival Raw, que seria nesse contexto a periferia da cidade. Temos um assassino que se parece com 90% da população masculina do lugar que está atacando fadas a cada três semanas, e ainda nesse primeiro momento a série solta várias pontas, dentre elas o relacionamento misterioso de Philo (Orlando Bloom) e Vignete onde ela achava que ele estaria morto. Temos diversos outros personagens que se mostram para nós e nos fazer querer torcer para que eles sejam muito felizes ou se deêm muito mal.




Depois dos primeiros episódios você começa a entender como a vida dos personagens se entrelaça e vai ficando cada vez mais ansioso para descobrir o final.

Em resumo eu gostei bastante. Nunca vi algo como Carnival Row, um universo fantástico de época com tantos detalhes únicos. A produção e finalização audiovisual também me impressionou bastante, como são muitos episódios, geralmente em séries a riqueza de detalhes fica menor, mas não nessa série. Não é a minha favorita, mas achei bem impressionante pelo roteiro original e a riqueza de detalhes que se sustentam em todos os episódios, tendo em vista que já vi outras séries de realismo fantástico com efeitos bem ruins. Unir o mágico com a caracterização de época foi uma sacada muito boa e foi de encher os olhos à cada episódio.


A Amazon acertou muito nessa série e espero que mais como essa possam ser produzidas. Alguém já assistiu Carnival Row até o final?

Beijos!